Instaltec Tecnologia em Instalações
  • compromisso
    com a qualidade,

    responsabilidade
    e satisfação

    plena dos clientes

  • Aliando a

    Tecnologia,

    Furukawa e a

    Garantia TIA/ISO

    de Qualidade

    pode ficar

    tranquilo

    sua empresa está

    em boas mãos

  • redes projetadas de

    forma personalizada

    para cada situação.

    a instaltec

    oferece suporte

    a toda as suas

    necessidades

    em redes de

    computadores

NOVIDADES

Página Inicial / Sem categoria /
Como criar um pendrive bootável para usar na instalação do Windows

Como criar um pendrive bootável para usar na instalação do Windows

19 de junho de 2018

Poucas sensações nesse mundo são tão desagradáveis quanto formatar o computador e, por desatenção, perceber que ele não tem um drive de CD/DVD para fazer a instalação do Windows a partir dessas mídias. Esse tipo de dor de cabeça começou a surgir principalmente com o advento dos netbooks e ultrabooks, que, para não serem tão pesados e mais finos do que a média, dispensaram a unidade óptica em detrimento de mais entradas USB.

Se esse é o seu caso, não tem choro nem vela – o jeito é preparar um pendrive ou HD externo para que ele faça as vezes de CD/DVD no processo de instalação do Windows na sua máquina. E é exatamente nesse momento que surge a dúvida: como faço isso?

Há mil e uma formas de transformar o seu dispositivo de armazenamento USB em um dispositivo bootável capaz de realizar a instalação do Windows no computador. E se você não está entendendo nada do que estamos falando, podemos resumir o assunto e dizer que fazer com que um pendrive seja bootável significa que ele “assumirá o controle” do computador antes dele iniciar a partir do seu disco rígido, evitando que o Windows (ou outro sistema operacional) armazenado lá seja de fato inicializado. Sendo assim, evita-se que o sistema inicie e possamos apagar e reinstalá-lo sem maiores problemas.

Passado esse momento inicial de desespero, é hora de dar o primeiro passo: obter a imagem ISO do Windows que você quer instalar.

Não vamos abordar os meios ilegais de obter tal arquivo e nos restringiremos apenas aos meios formais para tal prática – o que é diferente para praticamente cada versão do Windows. Então vamos lá!

Windows 7

A maneira oficial de obter um arquivo ISO do Windows 7 apontada pela Microsoft é utilizar a página de Software Recovery da empresa. O que o site faz é bastante simples: ele exige que você forneça a sua chave de ativação do sistema e a valida automaticamente. Se estiver tudo OK, o site libera o download da imagem para você.

Windows 8.1

Com o Windows 8 as coisas são um pouco mais simples e você poderá baixar a ISO sem problemas a partir da página Creation Installation Media for Windows 8.1 da Microsoft. Isso porque o site identifica quando o usuário está rodando esta versão do sistema e libera o download sem maiores complicações.

Agora se você estiver usando alguma outra versão do sistema que não seja a 8.x, o jeito é inserir uma chave de ativação para que o download seja liberado. Se você não tiver um código de ativação legalizado, o jeito é abrir a carteira e pagar por uma cópia do sistema.

Windows 10

O mais democrático Windows de todos os tempos, segundo a Microsoft, ainda não foi lançado, mas é possível baixar a ISO do Windows 10 Technical Preview gratuitamente no site da empresa.

Vale a pena lembrar que essa ainda é uma versão inacabada do sistema e, por isso, pode apresentar alguma instabilidade ou incompatibilidades com o hardware da sua máquina. Assegure-se de que você quer mesmo substituir o seu sistema por essa versão do Windows 10 antes de seguir adiante ou faça a instalação numa máquina virtual.

Preparando um pendrive bootável

Agora que você já fez o download da ISO do seu Windows, é chegada a hora de preparar o seu pendrive ou HD externo para que ele possa ser utilizado na instalação do sistema.

Há várias ferramentas que fazem o serviço nesse caso e uma das melhores é a Rufus. Você pode fazer o download do programa a partir do site oficial. Quando terminar a instalação do Rufus, clique com o botão direito sobre o ícone do aplicativo e selecione “Executar como Administrador”. Depois disso, espete o pendrive no computador e a seguinte tela deverá aparecer para você.

Certifique-se de selecionar a unidade USB correta na opção “Dispositivo” e que ela tem capacidade de pelo menos 4 GB. Se você tem dúvidas de qual unidade é a correta, o conselho é remover todas elas e deixar conectada apenas a que será utilizada.

Se você está utilizando um HD externo, é bastante provável que ele não aparecerá automaticamente nas opções de dispositivos. Para resolver esse problema, clique na pequena seta ao lado de “Opções de formatação” e, em “Opções avançadas”, marque a opção “Exibir drives USB” – isso deve ser suficiente para resolver o problema.

Os demais campos não precisam de ajustes e agora basta selecionar a imagem ISO clicando no ícone que tem um CD/DVD ao lado da opção “Criar disco bootável com”. Antes de dar prosseguimento ao trabalho, marque as opções “Formatação rápida”, “Criar disco bootável com” e “Criar nomes estendidos e ícones”.

Pronto, após executar esses passos a tela do seu Rufus deve estar mais ou menos como esta:

Finalmente, clique em “Iniciar” para dar o pontapé inicial em todo o processo de criação de uma unidade USB bootável. Dependendo da capacidade do dispositivo, pode ser que isso demore vários minutos.

Durante o processo, perceba que o Rufus exibe todos os arquivos que estão sendo instalados e transferidos para o seu pendrive ou HD externo para que ele possa ser usado para inicializar o seu computador.

Após a conclusão desse processo, o seu pendrive/HD externo está pronto para ser usado na instalação do Windows. Agora basta reiniciar o seu computador com ele espetado na porta USB do computador para que a tela de instalação do Windows apareça para você.

Não está conseguindo fazer o boot a partir do pendrive?

Se isso está acontecendo, é muito provável que você tenha que fazer um ajuste na BIOS do seu computador para que ela priorize a inicialização a partir do pendrive e não do disco rígido.

Para fazer isso é preciso, antes de qualquer coisa, acessar a BIOS da placa-mãe do seu computador. Se você não sabe como fazer isso, nós fizemos um passo a passo que mostra como fazê-lo em praticamente qualquer tipo de computador.

Depois disso, a tela da BIOS deve aparecer com uma infinidade de opções. Busque pela seção de recursos avançados da BIOS e procure por opções do tipo “First Boot Device”, “Second Boot Device” e “Third Boot Device” e as mude colocando em primeiro lugar seu dispositivo USB, em seguida a unidade de CD-ROM (se houver) e, por fim, seu disco rígido.

Depois disso, salve as alterações na BIOS e reinicie o computador novamente. Pronto! Com essas alterações seu computador deve inicializar a partir do dispositivo USB que está espetado na porta USB. Dai pra frente, é só prosseguir com a formatação e instalação do Windows.

Via canaltech.com.br